À FLOR DA PELE

Uma composição entre rascunhos, mensagens, intervalos e retomadas, descrevemos modos de fazer diálogos sobre o cansaço, o atropelo cotidiano, e ESTADOS A FLOR DA PELE. Um resumo dos diálogos e correspondências entre amigos interessados na multiplicação de modos de viver mais conectados com a vida. Durante a escrita deste texto, aos poucos percebemos que estados de pouca fluência não são necessariamente estados de fraqueza, mas brechas para aprofundar o que vivemos e sentimos.

A conta não fecha

Abundante é uma quantidade muito superior ao mínimo e que não faz desperdício porque tudo se aproveita, e diferentemente da lógica capitalista que precisa gerar a falta,criar objetos e demandas de consumo, vender o produto final e ofertar coisas mastigadas para manter corpos sedentários de produção e distantes do que podem, aqui a conversa é sobre abundância mesmo, aquilo que não acaba.

Lavar as mãos e a roupa suja!

Nossos comportamentos são cultivados com dedicação diária. Lavar a roupa suja é uma expressão bem comum entre nós brasileiros quando nos referimos aos diálogos com atrito dentro de nossas casas e nas relações pessoais com alguma convivência e intimidade. E para que serve ? E para quem Serve ?

Japão para uma brasileira

A curiosidade em conhecer o Japão foi crescendo e se tornou realidade quase que por acaso, quando Sheila teve a oportunidade de fazer as malas e atravessar o mundo para viver em Osaka para ministrar aulas de dança no Japão, o país do sol nascente.

enredando

Fragmentos de um processo não reduzido aos resultados, compartilhamento de percursos, modos de trabalho e a vida cotidiana. Conexões e vínculos que tratam dos afetos como a matéria prima para o trabalho diário em que o tempo não se mede no relógio.